TCU aponta ação irregular dos Correios ao distribuir material de campanha de Dilma Rousseff

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp

A distribuição de material de campanha eleitoral da presidente Dilma Rousseff nas eleições presidenciais, no ano passado, foi feita de maneira irregular pelos Correios, em São Paulo. É o que aponta o resultado da análise da área técnica do Tribunal de Contas da União (TCU), em matéria publicada na edição desta terça-feira (24), no jornal O Estado de S.Paulo. Segundo o Estadão, “a área técnica do TCU concluiu que os Correios distribuíram em São Paulo, de forma irregular, 4,8 milhões de panfletos da presidente Dilma Rousseff na campanha.”

Ainda conforme a reportagem, “relatório de auditoria da corte diz que a estatal, controlada politicamente pelo PT, descumpriu suas próprias normas e não poderia ter remetido propaganda da então candidata à reeleição sem chancela ou comprovante de postagem”.

Leia mais no site do jornal “Estado de S.Paulo”.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp