Repúdio à violência que vitimou cinegrafista, e cobrança de atitude para proteger o manifestante pacífico

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp

“Precisamos exigir da autoridade policial que retire das manifestações públicas aqueles que se acovardam e procuram o anonimato para praticar atos de violência e brutalidade. Ou retiram suas máscaras e mostrem suas faces para participar dos atos de protesto, ou que fiquem detidos até o final das manifestações. Esta seria uma medida cautelar, para que esses mascarados não coloquem em risco a vida de pessoas que, democraticamente e pacificamente, ocupam as ruas na esperança de melhorar o País”. Esta cobrança foi feita pelo senador Alvaro Dias, na sessão plenária desta segunda-feira (10), ao debater com outros senadores sobre a morte do cinegrafista Santiago Andrade, que veio a falecer após ter sido alvejado por um morteiro em uma manifestação no Rio de Janeiro.

O senador Alvaro Dias lembrou que os próprios manifestantes repudiam, nos atos de protesto, a presença de mascarados e black blocs, que acabam por desvirtuar o caráter pacífico das manifestações.

“Os manifestantes que participam de atos de protesto em todo o País não aceitam faixas ou bandeiras de partidos políticos ou movimentos sociais, e fazem muito bem, para que não seja partidarizada a manifestação. Então, seria muito mais adequado arrancar as máscaras pretas do rosto desses black blocs ou sejam lá quem forem os mascarados. Esses mascarados estão sempre à a frente para agredir a polícia, para depredar o patrimônio público e privado, portanto, a autoridade policial tem sim condições de prendê-los, no ato. Seria uma atitude de legítima defesa do movimento pacífico e da democracia”, afirmou o senador, manifestando o seu repúdio pela violência que vitimou o cinegrafista Santiago Andrade.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp