“Não houve leilão, o que houve foi a entrega do patrimônio da Petrobras”

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp

“Não dá para acreditar em mágica. A Petrobras já é a empresa não financeira mais endividada do mundo, e certamente terá que lançar mão de novos empréstimos para fazer face aos R$ 6 bilhões que terá que pagar por conta do leilão do pré-sal, o que acarreta mais endividamento. Por isso, será inevitável à empresa reajustar o preço dos combustíveis, pois não dá para fazer milagre, e com isso haverá novo impulso na inflação”. Quem afirma é o senador Alvaro Dias, após ser questionado por jornalistas sobre a iminência de a estatal do petróleo elevar o preço dos combustíveis nas refinarias. O senador também voltou a criticar o leilão do campo de Libra, realizado na semana passada: “a verdade é que não houve concorrência, portanto, não houve leilão. O que houve foi a entrega de um patrimônio extraordinário da Petrobras. Há possibilidade de comparação com o modelo anterior de concessões e na comparação o modelo desse governo atual perde. Não houve propostas, o que houve foram desistências, um preço mínimo e nenhum ágio, o que mostra que o modelo deste governo fracassou, e o Brasil perdeu”.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp