Ministra, incapaz de entender uma sátira, coloca a PF no encalço de um blogueiro

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp

“Neste momento em que comemoramos os 25 anos da promulgação da Constituição, podemos afirmar com certeza que um dos principais avanços que ela promoveu no País se deu no campo das liberdades democráticas, consagrando a liberdade de imprensa como matriz de todas as demais”. A afirmação foi feita pelo senador Alvaro Dias, na sessão plenária desta segunda-feira, ao destacar investigação da Polícia Federal que tem como alvo um blog na internet, mantido pelo jornalista Joselito Muller. O blog, em funcionamento há mais de um ano, possui um conteúdo crítico sobre a política brasileira, mas as publicações são postadas em tom de sátira, com notícias aparentemente sérias que, entretanto, não são verdadeiras. O pedido de investigação do blogueiro, como lembrou o senador, foi feito pela ministra Maria do Rosário, que se sentiu atingida por uma das sátiras publicadas pelo blog. Alvaro Dias salientou que o blogueiro anunciou que pretende comparecer à Polícia Federal nos próximos dias para colaborar com essa surreal investigação. “A ministra Maria do Rosário é açodada. Demonstrou isso ao postar nas redes sociais acusação à oposição por conta do episódio dos saques do Bolsa Família. A ministra nunca se retratou diante da calúnia que disseminou nas redes sociais. Por essas e por outras que acredito que a liberdade de imprensa deve ser preservada como um dos principais pilares da democracia”, concluiu o senador Alvaro Dias.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp