Inflação em alta chega ao maior patamar desde janeiro de 2004

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp

Considerado a prévia da inflação oficial, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo-15 (IPCA-15), divulgado nesta sexta-feira (22) pelo IBGE, subiu 0,6% em maio, chegando ao patamar de 8,24% no acumulado dos últimos doze meses. Além de estar acima do teto máximo da meta estabelecido pelo governo, de 6,5%, o índice é o mais alto desde janeiro de 2004, quando atingiu 8,46%. No acumulado do ano, o IPCA ficou em 5,23%, bem acima da taxa de 3,52% verificada no igual período de 2014.

De acordo com o IBGE, o grupo que teve o maior aumento nos preços foi o de produtos de saúde e higiene, com elevação média de 3,71%. Na outra ponta, o grupo de transportes foi o único a ter queda nos preços, influenciado pelo barateamento dos combustíveis e da baixa de 23,6% no valor das passagens aéreas. Em contrapartida, o grupo dos alimentos continua aumentando, com destaque para os reajustes nos preços do tomate (19,79%), cebola (18,83%), cenoura (10,45%), leite (2,64%), pão francês (2,23%), óleo de soja (2,17%), carnes (1,40%), frango em pedaços (1,30%).

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp