Gravidade de denúncias exige instalação das CPIs do BNDES, do setor elétrico e dos fundos de pensão

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp

O líder da Oposição, senador Alvaro Dias, afirmou que o momento é de iniciar investigações no Congresso Nacional sobre irregularidades nos empréstimos sigilosos do governo brasileiro por meio do BNDES, além de problemas no setor elétrico e denúncias de corrupção nos fundos de pensão. “Se nós instalarmos aqui no Senado a CPI do BNDES, por exemplo, verificaremos que a conexão do petrolão vai além. E se nós instalarmos também a CPI do setor elétrico, verificaremos que a conexão dos escândalos recentes foi um pouco mais além. E se instalarmos a CPI dos fundos de pensão, quanto novos escândalos poderemos revelar ao País?”, afirmou o senador.

Para o senador, com a instalação, no Congresso, de uma CPI do BNDES, uma CPI de fundos de pensão e uma CPI do setor elétrico, certamente seriam produzidas informações ao governo que permitiriam a adoção de providências para evitar prejuízos maiores no futuro. “Se não instalarmos estas CPIs, daqui a alguns anos, quem sabe, não estaremos diante de mais um monumental escândalo de corrupção em razão da omissão, em razão da leniência e da cumplicidade? Porque não investigar agora é ser cúmplice, já que há indícios de desvios monumentais, e nós só teremos condições de superar esse impasse, elucidar essas dúvidas se iniciarmos procedimentos para uma investigação competente”, concluiu o senador Alvaro Dias.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp