Escândalos de corrupção que se sucedem, rotina no governo do PT

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp

“No Brasil do PT, o escândalo de hoje faz esquecer o de ontem e espera o de amanhã para ser esquecido. E o escândalo da vez vem da Petrobras, que mais uma vez está no epicentro dos negócios escusos”. A afirmação foi feita pelo senador Alvaro Dias, em pronunciamento no Plenário, nesta segunda-feira (17), ao relatar a denúncia feita pela revista Veja, que envolve o recebimento de propina por dirigentes da Petrobras por uma empresa holandesa. Para o senador Alvaro Dias, os escândalos se tornaram a regra, e não a exceção no governo atual, e a Petrobras mais uma vez aparece envolvido em um caso internacional de corrupção.

“São tão reiterados os escândalos no governo do PT, tão contumazes, que comparecemos quase que diariamente a esta Tribuna para denunciar a existência deles, especialmente em relação a esta grande empresa, que é orgulho do Brasil, mas que, infelizmente, se transformou em um aparelho sindical e partidário. O escândalo agora envolve recebimento de propina de dirigentes da Petrobras por uma empresa holandesa, conforme denúncia da revista Veja deste fim de semana. Ou seja, não bastam os escândalos nas nossas fronteiras, o escândalo agora extrapola o Brasil e chega à Holanda. A Petrobras é uma empresa gigantesca, portentosa, que mobiliza bilhões de reais e portanto serve ao apetite desonesto de muitos. Até quando a gestão da Petrobras será uma caixa-preta diante da sociedade brasileira?”, questionou o senador Alvaro Dias.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp