Representação de Alvaro Dias sobre refinaria de Pasadena motivou investigação do Ministério Público

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp

O senador Alvaro Dias ingressou com representação na Procuradoria-Geral da República, no dia 21/12/2012, pedindo investigação penal e cível para apurar a denúncia sobre a compra da Refinaria Pasadena pela Petrobras. Na representação, o senador tucano pediu ainda a abertura de inquérito civil administrativo, e sugeriu, caso comprovadas as denúncias, que fossem aplicadas aos responsáveis pela operação sanções previstas na Lei nº 8.429/92, tais como perda da função pública, suspensão dos direitos políticos e, especialmente, o ressarcimento ao erário dos danos causados ao patrimônio.

Em fevereiro de 2013, o  Ministério Público Federal anunciou a abertura da investigação criminal.

Leia a íntegra da representação apresentada pelo senador Alvaro Dias

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp